Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

PORTAL DO AUTOMÓVEL



Segunda-feira, 06.12.10

Ford Focus 1.6 Duratorq TDCi ECOnetic



É a economia!



O programa de incentivo ao abate de veículos antigos só vigora até ao final deste ano. Em 2011, o desconto na compra de um carro novo só para carros com emissões zero, logo de funcionamento inteiramente eléctrico. A pensar no cenário actual (emissões poluentes até 130 gr/km), surgiram muitas versões mais económicas e menos poluentes. É que além deste incentivo, há que acrescentar outros benefícios fiscais, quer no acto da compra, quer no que respeita ao Imposto Anual de Circulação.

Com esta versão do familiar Focus, a Ford enveredou por um caminho que, em rigor, não apresenta novidades significativas: acrescentou o sistema "Stop & Go" aquela que já era a motorização mais económica — 1.6 a gasóleo, resultado da parceria com os franceses do grupo PSA —, baixou a resistência aerodinâmica da carroçaria, reduziu o atrito de rolamento — nomeadamente com pneus Michelin Energy Saver, mas igualmente com algumas alterações mecânicas —, optimizou o sistema de alimentação de combustível e alongou as relações da caixa de cinco velocidades.
 Como resultado de tudo isto, as carroçarias de cinco portas e station wagon com 109 cv obtiveram homologação de emissões de 99 gr/km, para um consumo médio de 3,8 litros. Mas a gama Econetic (igualmente disponível noutros modelos do fabricante) oferece no Focus a possibilidade de optar por variantes do mesmo motor com 90 ou até mesmo 109 cv sem o sistema de "pára-arranca", mesmo assim com emissões poluentes contidas: 104 gr/km e consumo médio ligeiramente superior: 4,0 litros, face aos 4,4 l médios e 115 gr/km das versões ditas "normais".



Equilibrado na função

Em bom rigor, o Focus de cinco portas não tem uma carroçaria que se destaque pela beleza, apesar de que uma avaliação desta natureza contém sempre um carácter muito particular e subjectivo. Quanto a mim, já não acontece o mesmo com a versão carrinha, e também é verdade que não se pode afirmar taxativamente o contrário. O que lhe dá pelo menos a garantia de alguma intemporalidade das linhas e a sempre desejada capacidade de conseguir agradar a "gregos e a troianos".
E esta é uma certeza que se reforça quando se avaliam as restantes variáveis do carro, nomeadamente a habitabilidade e o seu desempenho dinâmico.
Há sobretudo que contar com um modelo que se apresenta basicamente equilibrado, apesar da actual geração remontar a 2008. Se presentemente tem a habitabilidade reforçada face à anterior (2004), o interior continua a não ser o mais amplo da categoria, embora mereça realçar a capacidade da mala: quase 400 litros.
O painel de bordo é bonito e agradável, suficientemente funcional e com boa leitura dos diversos instrumentos. Oferece as soluções habituais para o depósito de pequenos objectos, mas não apreciei a capacidade de insonorização, e a qualidade aparente dos revestimentos merece uma revisão para conseguir acompanhar as tendências actuais deste competitivo segmento.


Conduzir a poupar

A actual versão "Econetic" surgiu este ano e será certamente uma das últimas da actual geração Focus, que dará lugar a uma nova no decorrer do próximo ano, dotada de motores ainda mais económicos e com uma das versões de motorização inteiramente eléctrica.
Nesta cabe ao condutor colaborar, se assim o entender, acompanhando a indicação visual no quadro de instrumentos que aconselha à troca de marcha. Pode ir acompanhando o desenrolar dos seus esforços de poupança através do computador de bordo, e se isso não fizer parte das suas preocupações, pode desligar o sistema "Stop & Go". Apesar de que a rapidez do seu funcionamento não tolhe o andamento, até mesmo em situações caóticas de trânsito urbano denso.
O condutor posiciona-se bem e de forma confortável. Mas em matéria de condução, a flexibilidade da suspensão pode levá-lo a conter-se em curva porque, com claras intenções de poupança, tanto a afinação da suspensão como os pneus que equipam esta versão, não convidam a grandes rasgos de condução.
Sendo um carro cuja direcção oferece grande tacto e não parece capaz de imprevistos ou sobressaltos, o Focus Econetic agrada e cumpre cabalmente a sua função num andamente tranquilo e descontraído, bem ao jeito familiar. Ainda assim, a falta de emoção do seu comportamento em curva, é largamente compensada pelo desempenho deste motor, bastante elástico e efectivamente económico. A média do ensaio não foi tão boa quanto a anunciada, situando-se nos cinco litros com predominância de andamento na cidade.
E por falar em combustível, os mais distraídos não correm o risco de se enganarem na altura de abastecer. O Focus tem um dispositivo que impede a entrada da mangueira errada no respectivo depósito.

PREÇO, cerca de 26 000 euros MOTOR, 1560 cc, 109 cv às 4000 rpm, 16 V, 240 Nm às 1750 rpm, turbodiesel de geometria variável, intercooler, common-rail CONSUMOS, 4,5/3,4/3,8 l (cidade/estrada/misto) EMISSÕES POLUENTES, 99 g/km de CO2

Autoria e outros dados (tags, etc)


Pesquisar neste site

Pesquisar no Blog  

Procura carro novo, usado ou acessórios?




"Portal do Automóvel" é um meio de comunicação dirigido ao grande público, que tem como actividade principal a realização de ensaios a veículos de diferentes marcas e a divulgação de notícias sobre novos modelos ou versões. Continuamente actualizado e sem rigidez periódica, aborda temática relacionada com o automóvel ou com as novas tecnologias, numa linguagem simples, informativa e incutida de espírito de rigor e isenção.
"Portal do Automóvel" é fonte noticiosa para variadas publicações em papel ou em formato digital. Contudo, a utilização, total ou parcial, dos textos e das imagens que aqui se encontram está condicionada a autorização escrita e todos os direitos do seu uso estão reservados ao editor de "Cockpit Automóvel, conteúdos auto". A formalização do pedido de cedência de conteúdo deve ser efectuado através do email cockpit@cockpitautomovel.com ou através do formulário existente na página de contactos. Salvo casos devidamente autorizados, é sempre obrigatória a indicação da autoria e fonte das notícias com a assinatura "Rogério Lopes/cockpitautomovel.com". (VER +)


Brinquedos Portugueses Antigos



Fundada há mais de 50 anos por um modesto trabalhador da pequena aldeia de Alfena, a fábrica dedica-se inicialmente ao fabrico de brinquedos em chapa e madeira com a designação «Jaj». Em 1955, utilizando já o plástico, passa a utilizar a sigla «JATO» e posteriormente «PEPE», em 1977. As normas actuais de segurança impedem que estes produtos possam ser comercializados como brinquedos, pelo que a sua produção foi descontinuada.Actualmente são bastante apreciados como peças de colecção.
Os artigos que se encontram à venda neste site estão absolutamente novos, tal como a sua embalagem. Podem ainda ser enviados pelo correio devidamente embalados.
Qualquer dúvida ou encomenda, favor contactar cockpitnanet@gmail.com.

VW Carocha/Beetle/Fusca

VW Kombi/Pão de Forma

JEEPS Militares: Decoração
Exército Português, Americano e Deserto
Mercedes-Benz: diversas carroçarias e carroçarias e decorações

Renault 5

Aviões: Biplano de corda,
Aeroplano de fricção

TODOS OS ARTIGOS E PREÇOS AQUI