Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

PORTAL DO AUTOMÓVEL




Domingo, 08.04.12

APRESENTAÇÃO: Hyundai Santa Fé (MY 2013)

Uma nova versão do popular SUV da marca coreana foi apresentada no Salão Automóvel de Nova Iorque. Linhas renovadas, capazes de transmitirem mais emoção e maior presença em estrada, aliam-se a motores mais eficientes e potentes, com as mais baixas emissões do segmento. A gama de motores para a Europa inclui um bloco a gasolina e dois a diesel, com potências entre os 150 e os 200 CV.
Esta evolução passou por um redesenho interior e exterior e pela revisão mecânica de forma a tornar os motores mais eficientes, mais económicos e capazes de cumprir futuras normas ambientais de emissões de agentes poluentes.
Para corresponder aos gostos do consumidor europeu e certificar que o novo Hyundai Santa Fé é capaz de satisfazer as suas exigências, um intenso trabalho de desenvolvimento foi feito para a versão à venda na Europa. Isto originou modificações na direcção, suspensão e travões, bem como alterações nas ajudas à condução e na capacidade de reboque.

Design em resumo

Influenciada pelo “fluidic sculpture”, a linguagem de estilo da Hyundai, a terceira geração do Santa Fé adopta o novo conceito de estilo apelidado “Storm Edge”, que captura as imagens fortes e dinâmicas criadas pela natureza durante a formação de uma tempestade.
Longo, mais baixo e largo que o seu antecessor, mas com os mesmos 2700 mm de distância entre eixos, o rejuvenescido Santa Fé tem uma aparência mais masculina, agressiva e com maior carácter. A rebaixada linha do tejadilho obriga a inclinar mais o pára-brisas, os vidros e o óculo traseiro. Tudo isto acentua uma postura dinâmica agressiva, completada pelas jantes em liga leve escurecidas – agora com diâmetro até 19 polegadas – uma estreia em SUVs da Hyundai.

Interior com tomada 220V

Esta nova geração virá com uma série de recursos inteligentes que melhoram o conforto e a comodidade do condutor e passageiros.
Para melhorar a experiência de condução, a Hyundai equipou a terceira geração com auxiliares de condução, como um controlo de velocidade de cruzeiro adaptativo (que varia em função da distância ao veículo da frente), alerta à saída de estrada, sensores de luz e chuva e limpa pára-brisas automático, de modo a permitir ao condutor concentrar-se apenas na estrada.
Está ainda disponível o sistema de assistência de estacionamento inteligente, para ajudar os condutores a rentabilizarem o espaço.
Entre outro equipamento que estará igualmente presente consoante a versão, conta-se a função de memória do banco para diferentes posições de condução, assentos dianteiros eléctricos e, no caso das versões de 7 lugares, foi facilitado o acesso e o rebatimento dos bancos da terceira fila.
Aumentou o espaço disponível para as pernas (à frente mais 38 mm, na segunda-fila mais 45 milímetros), enquanto o tecto de abrir panorâmico incrementou a luminosidade dentro da cabine.
O porta-malas cresceu 37 milímetros em profundidade, resultando numa capacidade de 534 litros para a versão de cinco lugares.
Existe ainda camara de visualização traseira, com visão baixa de forma a permitir ao condutor evitar obstáculos baixos e crianças.
Opcionalmente, poderá ainda dispor de tomada de 220 volts, capaz de fornecer energia a computadores portáteis, impressoras ou pequenos aspiradores, por exemplo. Situada ao centro, esta tomada tem potência nominal até 200 Watts.
Apresenta ainda características de design inteligentes: lâmpadas dentro dos espelhos exteriores para iluminar o chão ao lado do veículo e vidros escurecidos para o conforto e segurança.

Motores "limpos"

A gama de motores para a Europa inclui um bloco a gasolina e dois a diesel, com potências entre os 150 e os 200 CV.
O bloco 2.0 litros R VGT diesel, com certificação Euro 6, debita 150 CV e 382 Nm, emitindo somente 155 g/km de CO2.
O bloco 2.2 litros diesel foi afinado para maior eficiência, fazendo deste motor o mais limpo do segmento com emissões de CO2 de apenas 145 g/km. Com um turbo de geometria variável (VGT) e todo em alumínio, este motor com 200cv apresenta um binário de 431Nm e oferecendo ao novo Santa Fe uma capacidade de aceleração de 9,4 segundos, no caso de transmissão manual e duas rodas motrizes.
Graças a este turbocompressor de geometria variável, 100 por cento do binário está disponível a partir das 2,000 rpm, o que torna o carro adequado tanto para os caminhos difíceis fora de estrada como para um estilo de condução em estrada bastante dinâmico.
A gasolina, o motor GDI tem 2,4 l, uma potência máxima de 193 cv e emissões de CO2 de 197 g/km.
Estão disponíveis caixas de seis velocidades, manual ou automática.
A transmissão automática possui modo inteiramente automático ou “Sport”. Para condução em cidade o modo totalmente automático é o ideal, enquanto o modo “Sport” permite mudanças sequenciais para uma condução mais dinâmica.

Desempenho com ajudas electrónicas

A tracção integral está a cargo de um sistema que distribui de forma automática a potência e o binário entre os dois eixos.
A suspensão auto-nivelada preserva o conforto independentemente da carga.
Nesta nova geração, o Hyundai Santa Fé incrementa o comportamento em estrada e aumenta, simultaneamente, as suas capacidades fora do ambiente urbano. Um sistema oferecendo três diferentes configurações de condução de acordo com as preferências de quem dirige o carro: “Sport”, “Normal” ou “Conforto” - exibidos na tela LCD integrada ao painel de instrumentos.
A suspensão foi calibrada para proporcionar amortecimento e capacidade de resposta, contribuindo para tal o auto-nivelamento da suspensão traseira. Disponível de série para todas as versões, esta característica controla o equilíbrio do conjunto independentemente do número de passageiros ou do peso da carga transportada.
A tracção integral automática complementa a tracção dianteira quando os sensores detectam uma perda de aderência nas rodas dianteiras. A potência é então automaticamente redistribuída entre o eixo dianteiro e traseiro, até uma proporção 50%/50%.
Para condições particularmente escorregadias, como lama, neve ou gelo, a tracção integral pode ser seleccionada em velocidades de até 40 km/h.
Completando a oferta, está ainda equipado com ABS (anti-bloqueio de travagem), ESP (programa electrónico de estabilidade), VSM (controlo de estabilidade), DBC (controle do travagem em declive) e diversos outros auxiliares para fora-de-estrada.
A capacidade máxima de reboque (para um veículo totalmente carregado), com um reboque com travões é de 2500 kg para as versões com transmissão manual.

5 anos de garantia

Como sucede com todos os novos modelos Hyundai lançados na Europa, a Nova Geração Santa Fé conta com a Garantia “5 Anos Tripla Confiança”, que inclui cinco anos de garantia sem limite de quilómetros, cinco anos de assistência em viagem gratuita e cinco anos de verificações periódicas anuais gratuitas ao veículo.
Mantendo o nome “Santa Fé”, a Hyundai quis perpetuar a herança do seu popular SUV, que já vendeu, no Mundo inteiro, quase 2,56 milhões de unidades. Desde a sua estreia em 2000, mais de 350 mil foram comercializados na Europa e nesta sua terceira geração a Hyundai espera conseguir conquistar mais de 5% de quota de mercado do segmento na Europa durante o seu primeiro ano completo de comercialização em 2013.

Procura automóvel novo, usado ou acessórios? Quer saber mais sobre este ou sobre outro veículo?

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pesquisar neste site

Pesquisar no Blog  

Procura carro novo, usado ou acessórios?



"Portal do Automóvel" é um meio de comunicação dirigido ao grande público, que tem como actividade principal a realização de ensaios a veículos de diferentes marcas e a divulgação de notícias sobre novos modelos ou versões. Continuamente actualizado e sem rigidez periódica, aborda temática relacionada com o automóvel ou com as novas tecnologias, numa linguagem simples, informativa e incutida de espírito de rigor e isenção.
"Portal do Automóvel" é fonte noticiosa para variadas publicações em papel ou em formato digital. Contudo, a utilização, total ou parcial, dos textos e das imagens que aqui se encontram está condicionada a autorização escrita e todos os direitos do seu uso estão reservados ao editor de "Cockpit Automóvel, conteúdos auto". A formalização do pedido de cedência de conteúdo deve ser efectuado através do email cockpit@cockpitautomovel.com ou através do formulário existente na página de contactos. Salvo casos devidamente autorizados, é sempre obrigatória a indicação da autoria e fonte das notícias com a assinatura "Rogério Lopes/cockpitautomovel.com". (VER +)